domingo, 19 de fevereiro de 2017

Antes Nada do que Tudo

Em meio às Turbulências da vida ainda estamos vivos.

As crenças, os mitos e os heróis?

Onde estão?

As Mitologias estão ficando cada vez mais secretas e cada vez mais vivas.

O Catolicismo, junto com o Protestantismo e outras crenças insistem em dizer que tudo que é mito não existe ou que é coisa do "Cão".

Mas os mais espertos, aqueles que vocês chamam de matutos, ou até de outras coisas, sabem de muito e não querem mais passar adiante.

Porque será?

Ora, pois, o mundo vive de intrigas, deboche e muita gozação com quem quer passar os ensinamentos dos antigos.

Os Seres Elementais estão aí, numa batalha tremenda para que nosso planeta não acabe de vez.



Na Gnose, os sabedores dessa Doutrina, sabem que do "outro lado" há uma batalha de muito sangue derramado para que nosso planeta não desintegre, pois, do outro lado não existe mais planeta, só uma bola imensa de carvão retorcido...

Mas tem como acreditar nisso tudo?

Não.

Aqui na terra, o que vale a pena é rir de quem leva um tombo e jamais se deve ajudar, pois a televisão ensina que é melhor zombar daquele que cai e sente dores e nunca ajudar, melhor fotografar de seu celular ou tablet e mandar aos amigos com frases ofensivas através das ditas redes sociais.

Mas porque as pessoas não mudam?

Hummmm.

É mesmo, né?

Mas se mudarmos, tudo perde a graça, é bom ficar vendo vídeos e fotos na internet de cadáveres decaptados, esquartejados e essas coisas, e lamentar que o mundo é cruel e fazer críticas sem fundamento e precisão.

Melhor assim.

Melhor ver uma foto de uma criança cadavérica na internet ou meios de comunicação diversos que tentar resolver a situação dessas vítimas do prêmio "Police".

Melhor ver do que fazer algo para que isso não apareça mais nas telas de televisões ou computadores.

Mas como é cada um por si, fazer o quê.

Lamentável tudo isso.

Hoje em dia, ainda cogitam o nome de Hittler, ainda há seguidores dele, infelizmente muitas pessoas, por ignorância acabam em lugares feios após sua morte do corpo.

É mais fácil o Católico falar do Evangélico, e, o Evangélico criticar os Católicos e outras religiões e ordens, do que todos se unirem, esquecerem suas diferenças filosóficas e encontrarem a solução de muitos problemas de nossas vidas.

As Guerras já não são mais santas.

Em meio a tudo isso, a Alquimia segue em frente.

O Ocultismo continua, sempre à frente, mas calado e observando a terra girar.

Os seres elementais fazem sua parte.



Já que os Seres Elementais estão sempre em nossos assuntos, alguém já viu um?

Conversou e trocou idéias?

Sim ou Não?

Ahhhhh!!

Isso é coisa de quem usa drogas, é mesmo, os famosos "Noiados".

Isso é típico de quem acredita somente no dinheiro que tem e em todo o materialismo existente.



Pois é, quem vê essas criaturas, pequenas no tamanho e grande em sabedoria, magia e essas coisas, sabem que são seres que entendem nossa ignorância, pois estão na terra bem antes de nós.

Os seres elementais tem diversas formas, mas em comum, se assemelham muito à insetos, mas de forma humanoide e com características iguais a nós.

Geralmente não são fofos, isto é, gordos, sempre tem a mesma estatura física, com algumas exceções.

Estes seres normalmente não conversam como nós, sempre por telepatia e essas coisas.

Quem já teve a oportunidade de cumprimentar esses insetos, como nós, ocidentais fazemos, com o tradicional aperto de mãos, sabe que não se deve apertar muito, suas mãos são frágeis, com uma espécie de "serra" ou pele "arranhenta" na palma da mão e dedos.



Algo seco mesmo, sem umidade, não sei porque isso, mas talvez se deve porque são seres que moram em outra dimensão e sempre estão entre nós.

Assim como alguns animais e pássaros se adaptaram à vida urbana, os seres elementais não foram diferentes.

Sempre é bom manter um jardim, um gramado ou algo assim, perto de sua casa, pode ser em local público mesmo, assim como faço aqui onde moro, estou com um pomar plantado, em plena área urbana, em uma área que deveria ser para o verde.

Muitos não gostam, outros adoram, mas sigo em frente.

Já tive umas chances de ver os seres elementais, alguns chamam de duendes, gnomos, tem também os elfos e essas coisas.

O que eu vi, sempre, e conversei telepaticamente(eu acho...) foram os duendes ou gnomos, pois uns diferenciam de outros.

Duendes e Gnomos não são exatamente a mesma coisa.

Os duendes tem uma forma mais "humana" e tem pele "boa" e até transpiram, são como os duendes da "branca de neve".

Os Gnomos são mais rudes em seu organismo celular, talvez por se originarem de dimensão diferente dos Duendes.



O que são dimensões?

São nada mais, nada menos que Universos Paralelos, eles tem uma técnica interdimensional de viajar de lá pra cá e vice versa com muita facilidade.

Aqui não tem como explicar com maiores detalhes, pelo foco do assunto, mas devo acrescentar que são poucos que podem ter a chance de dialogar com eles.

Para se ter noção de omo é a coisa, os Gnomos podem chegar até uma altura de uma criança de sete anos.

Os Duendes já não ultrapassam meio metro.

Mas ambos são gentis e educados, diferentes na essência, mas costumam agradar.

Infelizmente a maioria das pessoas nem querem saber disso.

Muitos vão na filosofia de sua religião, dizendo que são "demônios" e essas coisas.



Se vocês quiserem uma noção de sua existência, vejam quantos animais diferentes habitam um local verde, com gramas e pequenos arbustos.

Vão desde a insetos peçonhentos a flores e árvores lindas, sem contar com alguns frutos saborosos.

Pensem nisso, a vida é rica em vida, não importa que tipo de vida e como elas podem existir.

Muita Paz Irreverencial a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.